SLIDE

A gastronomia internacional em São Paulo

Poder almoçar ou jantar em um restaurante de franquia internacional, sem viajar e entrar no clima, como se fosse uma experiência real, é o que todos os brasileiros querem e procuram.

Pode parecer fantasia, mas é isso que os restaurantes internacionais de São Paulo, destacando os americanos, estão oferecendo para seus clientes. A decoração perfeitamente parecida, a fachada igual, as mesmas comidas e um atendimento com padrão gringo de agradar é o que chama atenção e conquista o paladar dos paulistanos.

Red Lobster
Restaurante como o Red Lobster, situado no Aeroporto Internacional de Guarulhos, oferece aos seus clientes esse novo modo de fazer suas refeições, trazendo a oportunidade de conhecer ou matar a saudade do gostinho da comida americana.
O ambiente com a luz em tom médio, música ao fundo e uma decoração rústica torna o ambiente agradável.
Ashton Fernand, que morava nos Estados Unidos, mas atualmente reside na capital, é um frequentador assido do restaurante. "Já fui em vários restaurantes desde que cheguei aqui no Brasil, mas para matar a saudade do meu país venho aqui no Red Lobster, porque é o mais parecido, tanto no cardápio e também na decoração que imita um navio chamado Sovereiro of the Seas, com bússolas na parede e quadros, além do banco na entrada e aquele aquário que me fazem entrar no clima", diz.
O prato mais pedido no restaurante é a imensa cauda de lagosta de cor vermelha que é servida inteira e na casca, devendo ser consumida com as mãos.
Como entrada a casa oferece um pão bem macio, de queijo cheddar, que é uma delicia.


A sobremesas mais pedidas são a Key Lime Pie (torta de limão), que possui pequenas raspas de limão e é cheia de recheio e a Chocolate Chip Lava Cookie que vem coberta de chocolate e uma bola de sorvete de baunilha.
Algo que chama atenção no restaurante é o cardápio bem elaborado e variado, com camarões empanados e com coconut, macarrão (linguini com molho alfredo), pizza, peixes, carnes vermelhas, sanduíches e frango.
Se você for com crianças, uma opção é pedir o menu kids, mas se estiver em casal um prato que dá para dividir sem passar fome, é o "Seaside Shrimp Trio", composto por camarões ao estilo Walt's Favorite, camarões gratinados ao molho Scampi, linguini com molho alfredo e camarões ao alho, além de um acompanhamento.
Apesar do preço ser um pouco salgado vale a pena tirar um tempinho e ir visitar o Red Lobster.

Olive Garden
Para complementar essa atmosfera internacional, o Olive Garden, também localizado no Aeroporto Internacional de Guarulhos, possui um cardápio simples, italiano, com porções bem generosas e cheias de molho.
Para pedir de entrada temos: Shrimp Scampi Fritta (camarões levemente empanados, preparados com molho de manteiga e alho) é uma delicia! Além da Lasagna Fritta (lasanha empanada, recheada com queijo parmesão, servida com molho Alfredo, coberta com queijo parmesão e molho de tomate), brusquetas e lulas empanadas. A casa oferece um pãozinho super gostoso e você pode pedir o quanto quiser.
Os macarrões são o ponto alvo da casa, como por exemplo, Chicken Parmigiana, Seafood Alfredo e Steak Gorgonzola Alfredo. As porções servem uma pessoa.
A pizza do Olive Garden também é uma delicia, servindo bem duas pessoas e com muito recheio.
O preço é acessível, o que atrai os brasileiros que estão indo e vindo de suas viagens.

O lema da casa é "Aqui você é família" e realmente é um ambiente bem familiar. É dividido em dois espaços, sendo bem acolhedor. As garrafas de vinhos colocadas estrategicamente na entrada do restaurante, remetem o clima italiano e os pratos que são colocados nas paredes para enfeitar, deixam o ambiente mais bello.
Algo bacana é que a cozinha é aberta e o público pode observar o que acontece. Além disso, os pratos onde são servidos as comidas na cor branca e verde combinam com a bandeira da Itália.
A família Siagini é o retrato da paixão pela gastronomia internacional, pois haviam acabado de voltar de Miami e seu primeiro destino foi aterrissar no Olive Garden, para matar a saudade de um belo Ravioli Funghi, com molho de queijo e também de um Five-Cheese Pasta al Forno, com molho de cinco queijo gratinado e molho vermelho, que já haviam provado na viagem. Todos estavam admirados pois a filial brasileira é muito parecida com a americana. "A decoração é bem típica para refeições italianas, o cardápio e até mesmo a fachada de pedra são idênticas ao restaurante de Miami", diz a família. Além disso, eles ressaltaram que o sabor da comida é o diferencial do restaurante, o cheiro do prato chegando é o que faz ficar com mais água na boca.

Hooters
Com outro estilo e também muito conhecido entre os brasileiros em filmes hollywoodianos, o Hooters, que tem uma unidade na cidade de São Paulo, situada Paulista, faz um sucesso entre o mundo masculino com a grande atração da casa que são as garçonetes chamadas "Garotas Hooters".
A casa oferece também uma outra paixão masculina, a oportunidade de assistir aos jogos de futebol, apreciando um chopp Devasa bem gelado, servido em uma jarra de liquidificador transparente, acompanhado de pratos bem calóricos e apimentados, como batata fritas, hambúrguer, frango com molho picante e nachos.
O ambiente não tem muita sofisticação, possuindo mesas e um balcão central. As luzes coloridas que são colocadas nas paredes deixam o ambiente mais iluminado. A música de fundo é de uma rádio americana, fazendo o público entrar no clima do país.
A interação das garotas Hooters é o que chama mais atenção na casa, por exemplo, quando alguém faz aniversário elas chamam o convidado para ir até a frente do restaurante dançar uma música, elas acompanham dançando e cantando, é engraçado!
Apesar do restaurante ser decorado por tacos, bolas, quadros nas paredes, com as garotas Hooters nas fotos e muitas TVS ligadas no canal de esporte remetendo ao mundo masculino, na verdade é um espaço que acolhe a todos, tendo até espaço kids na unidade da Vila Olimpia. "Mesmo com as garçonetes de shortinho dançando, é um ambiente bem familiar, sempre que viemos aqui encontramos bastante famílias, crianças e até mulheres, mas é lógico, que os homens são a maioria", relatam os amigos que estavam curtindo um happy hour.


Mas do que um simples restaurante, o Hooters quer proporcionar uma boa comida, um bom serviço, preço acessível e acima de tudo um ambiente descolado, onde todos podem aproveitar este novo conceito de restaurante de bairro, trazendo interação entre os clientes masculinos e as garçonetes, como algo engraçado, mas respeitoso. "O melhor foi ver os homens doidos, tirando fotos e olhando perplexos para as garotas Hooters", disse Cristina Araújo.
Se você for ao Hooters e encontrar algum famoso ou atleta não se assuste, todos esses elementos fazem o restaurante ser procurado por celebridades, e também, por todos aqueles que gostam de uma boa comida e muita diversão.

Espero que tenham gostado das três sugestões de restaurantes. Vale a pena tirar um tempinho e ir apreciar a comida internacional de São Paulo.

Um super beijo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário